3 de jan de 2013

Por dentro da câmera fotográfica



Este ano e pela primeira vez, o projeto Cidade Invertida participa da Mostra. Coordenado pelo fotógrafo Ricardo Hantzschel, Cidade Invertida é um projeto que utiliza um veículo adaptado como câmera fotográfica gigante e laboratório químico, dando à ação um caráter itinerante. Com foco na democratização cultural e investigação da linguagem visual, serão realizadas oficinas com câmeras artesanais [pinhole], vivência em câmera obscura e revelação tradicional preto e branco. É como se a pessoa estivesse dentro de uma câmera fotográfica durante o processo de captação e processamento da foto, uma experiência realmente deslumbrante. Quem se interessar, escreva para docgaleria.com.br e faça a inscrição. O preço é $10 reais e o tralier estará estacionado em frente a DOC Galeria. As vagas no dia 25 de janeiro são limitadas. (www.cidadeinvertida.com.br)

Um comentário: